Conversas cá de casa...
...sussurros lá de fora!

15 Maio 2008

"Zanzibar é nome dado ao conjunto de duas ilhas ao largo da costa da Tanzânia, na margem leste africana, que foram um estado semi-autônomo. As duas ilhas são chamadas Unguja (em swailhi) ou Zanzibar e Pemba.

A capital das ilhas fica em Unguja e tem igualmente o nome de Zanzibar. A parte antiga da cidade chama-se "Cidade de Pedra" (Stone Town ou Mji Mkongwe, em kiSwahili) e é um sítio tombado pelo Patrimônio Mundial."  

Fonte:Wikipédia

 JAMBO! ("Olá" em Swailhi)

 

Independentemente do que qualquer página da Internet possa dizer  sobre este sitio maravilhoso, a experiência de por lá ter passado é, infinitamente, bem melhor...

 

 

...e, por saber a que cheira, por saber a que sabe, por saber como são as pessoas, por saber a cor do mar, por saber tudo isto (e muito mais!)...hoje queria estar lá!

 

Zanzibar é o último paraíso, não há stress, não há responsabilidades, não há pessoas más (pelo menos não se vêem!), não há horários, não há trânsito, não há familias inteiras de lancheira abancadas na Praia, aliás nem há toalhas estendidas na praia, só espreguiçadeiras (uau!)...

 

A nossa estadia foi no Breezes Beach Club & Spa...foi o complemento do Paraíso que nos envolvia, o Breezes...bem...por onde hei-de começar...os quartos eram casas individuais, até ai nada de novo, depois todas as camas tinham dorcel (aquelas "cortinas" presas a uma estrutura por cima da cama!), todos os quartos tinham um terraço sobre o mar e o jardim, todos os quartos tinham um sofá delicioso...o espaço exterior era todo ajardinado (lindo!)...e a zona de Recepção, Restaurantes, Bares, Piscinas...enfim...Soberbo!

O começo dos dias era num restaurante tipo cabana, com cabanas mais pequenas dentro da grande e cada uma delas tinha um cozinheiro a fazer petiscos, tipo omeletas diversas, salteados de carnes, fiambres e outros...durante o dia utilizávamos os bares em redor da piscina, cada um tinha o seu tema e a sua cor, comia-se maravilhosamente bem e andava sempre um funcionário do Hotel no meio das espreguiçadeiras a levantar novos pedidos...e à noite o Restaurante do Jantar...ui! "bota" requinte nisso...era talvez a única responsabilidade que tínhamos, pois o dress code não permitia calções (o meu marido tinha de ir de calças!)...só se comia comidas gourmet e falava-se tão, mas tão baixinho que...sussurava-se apenas...havia sempre um espectáculo no fim das refeições e maravilhoso!!

Para além da parte de restauração, tínhamos courts de ténis, desportos náuticos (nós fizemos canoagem!), spa (ai então nem era baixinho que se falava era mesmo quase não falar!), tatuagens (fizemos os dois!), cursos de mergulho (o meu marido fez!)...passeios de barcos aos corais...tudo o que de bom se possa imaginar e tenho-o dito!

A própria loja do Hotel era requintada, com música àrabe de fundo, com cores por todo o lado...voltava a falar-se baixinho...não comprei nada, porque depois de 2 semanas e meia de lua de mel entre o Quénia e a Tanzânia, uma túnica custar 250 USD era demais...aliás, as simples T-shirts com a palavra Zanzibar custavam 50/70USD...enquanto tinha comprado no Quénia a 10/15 USD...mas ok!

 

Só para verem o tipo de simpatia que havia por lá...no último dia, tínhamos o táxi às 5h da madrugada à porta do Hotel, pois o voo para Nairobi era às 6,30h...mas um dos funcionários do Hotel, sabendo disso, levantou-se...vestiu-se com a farda (trajes àrabes!)...e fez-nos o pequeno-almoço! Maravilhoso! Até nos arranjou um caixa (tipo dessas das pastelarias) com iguarias para levarmos para a Viagem...podem imaginar!

 

Foram 7 dias que deixaram tantas, tantas, tantas saudades...hoje queria estar lá...porque o tempo é sempre bom, porque as pessoas não nos chateiam a cabeça, proque a vida é sempre bela!

Gostava de um dia voltar...mas o "nivel de vida" que se leva lá e se leva até lá chegar...é muito elevado...coisas de lua de mel!

Ficam algumas imagens que retratam a nossa estadia em Zanzibar:

(ALBÚM RETIRADO DA NET)

 

Todavia, a viagem até lá também não é nada boa!!

 Metemo-nos no avião com 13 pessoas apenas (incluindo tripulação!), avião bem pequeno...um deles, muçulmano, fez o favor de nos contar e rir-se...eu só pensei: Vai mandar-nos ao ar!...infelizmente, foi a pior viagem de avião que fiz na vida, apanhámos muito mau tempo, muita turbulência, mau piloto, perdemos altitude "n" vezes...enfim foram 2h infindáveis...chegámos a Nairobi, apanhámos o voo de 16h até Amesterdão, de Amesterdão mais 3h para Lisboa...quando aterrámos o meu marido só me disse: Adorei a nossa Lua de Mel, mas não me apanhas tão depressa num avião! UPS!

(...qualquer dia fala-vos do Quénia: de Nakuro, de Masai Mara,d e Nairobi...)

 

HAKUNA MATATA! ("Está tudo bem" em Swailhi)

publicado por Nice às 11:12

02 Abril 2008

           Pois é verdade: Não vou viver para o Dubai, coisíssima nenhuma!

 

Foi a minha mentirinha de amor para os meus caros leitores...não recebi convite nenhum e mesmo que recebesse não iria, não consigo viver longe da minha familia.

Sou absolutamente dependente de todos! Não, não é só do  meu marido ou filho (dos quais sou parte integrante!), sou também dependente da minha mãe e pai, da minha irmã e sobrinhos, dos meus queridos avós...enfim, não conseguiria viver longe e ponto final!!

 

Além de que, desde a minha lua-de-mel, fiquei com uma ligeira aversão a andar de avião muitas horas seguidas...isso é uma longa história - que um dia até posso contar! - posso adiantar que teve a ver com a viagem entre Zanzibar, na Tanzânia e Nairobi, no Quénia...

 

Voilá!

publicado por Nice às 09:47

23 Maio 2007

"Sensual e nostálgica, Zanzibar, ao largo da costa da Tanzânia, é um dos últimos segredos do Índico. Uma ilha onde se vive devagar, ao sabor do vento e a pensar na praia.", Rotas & Destinos

...Zanzibar é talvez o "último dos Paraísos", perdida na Tanzânia, é uma Ilha do Indico que as muitas palavras que possa usar, vão ser muitos escassas para definir a sua beleza, o fascinio, a sensualidade, o romantismo...é tão pura, tão pouco "mexida", tão linda!
Faz hoje 11 meses que voltei desse Paraíso perdido, onde a palavra "preocupação" não existe...vivemos de manhã à noite uma calma, uma paz de espirito, uma tranquilidade intacta...em Zanzibar, consegue-se ser Muito Feliz! Recomendo.
Com Saudade *
publicado por Nice às 10:25
tags:

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Visitas
blogger analyzer
Blue Roses
mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

31 seguidores

pesquisar
 
blogs SAPO